Este website utiliza cookies que facilitam a navegação, o registo e a recolha de dados estatísticos.
A informação armazenada nos cookies é utilizada exclusivamente pelo nosso website. Ao navegar com os cookies ativos consente a sua utilização.

Diretor Fundador: João Ruivo Diretor: João Carrega Ano: XXIII

Rede das Escolas Associadas da Unesco O Cantinho dos Amigos

21-10-2021

O colégio “O Cantinho dos Amigos” iniciou a sua atividade em 1989. Atualmente situa-se num espaço idealizado de raiz para as valências de Creche, Pré-escolar e 1.º Ciclo, onde acolhe perto de 250 crianças, no concelho do Seixal. Almejamos ser um colégio onde se ensina a viver para crescer, onde se proporciona um ensino de excelência num espaço de afetividade, de respeito por si próprio e pelos outros, com vista à promoção de estilos de vida saudáveis e a defesa do meio ambiente. 

Procuramos estimular a criatividade de cada criança, o prazer da descoberta, o espírito crítico e a sua capacidade de intervenção face a novos desafios, colaborando estreitamente com a família numa partilha de cuidados e responsabilidades em todo o processo evolutivo. Fomentamos a solidariedade e a cooperação com vista a uma escola para todos, com uma equipa dinâmica, empenhada e criativa, que promove um bom desenvolvimento integral da criança. Inspiramo-nos no modelo pedagógico do Movimento da Escola Moderna, cuja participação dos alunos na organização, gestão e avaliação de toda a vida do grupo/turma são fundamentais para o exercício da cidadania democrática ativa. As aprendizagens são orientadas consoante as capacidades e necessidades dos alunos, promovendo um ambiente que estimula a autonomia, a resolução de problemas, o trabalho em grupo e o saber viver em grupo. Pela nossa forma de estar na educação, o colégio tem sido galardoado com: Selo Escola Saudável da Direção Geral da Educação, Escola Amiga da Criança da Leya Editores, Eduardo Sá e CONFAP e Programa Eco-Escolas. Neste ano letivo, iremos iniciar o projeto do Erasmus+ KA1 – “Passaporte para uma cidadania ativa”.  

Abraçámos o projeto “Escolas UNESCO” de uma forma inclusiva e com um forte caráter simbiótico, uma vez que os pressupostos da Rede de Escolas Unesco encontram-se defendidos também nos projetos educativo e curricular da escola.  Em 2020/2021, desenvolvemos um projeto complementar e interdisciplinar denominado “Ativistas dos Oceanos”, que se iniciou com um propósito: levar os alunos a pensar e a construir algo que contribua para a resolução de um problema identificado. Confrontados com os problemas atuais sobre os oceanos, que despertaram neles uma vontade de saber mais (tomada de consciência) e fazer mais e melhor (adoção de atitudes mais sustentáveis e proativas), criou-se um projeto com o objetivo de trilhar um caminho partilhado e estruturado por eles. Para facilitar este processo, foram criados guiões com o intuito de incitar o questionamento e a reflexão, através de um conjunto de atividades propostas, com conteúdos definidos: exploração das problemáticas inerentes; abordagem do conceito de “ativista”; elaboração de cartazes ou outros trabalhos escritos sobre poluição, sobrepesca, aquecimento global ou outras temáticas; realização de experiências, entre outras. O trabalho foi desenvolvido numa dinâmica transversal entre as turmas do 1.º Ciclo e as salas do Pré-escolar a interagirem no mesmo tema, com atividades conjuntas.  No final do ano, através de uma exposição, o processo foi divulgado, com a partilha de todos os produtos culturais produzidos (cartazes, maquetas, vídeos, jogos didáticos...), bem como a dinamização de campanhas de sensibilização. Esses produtos estiveram patentes na VI Mostra de trabalhos das Eco-escolas do concelho do Seixal.  Foi notório o envolvimento, as parcerias, a entreajuda e todo o conhecimento que se construiu em torno desta temática, e principalmente, as mudanças de atitudes, tais como a utilização de sacos reutilizáveis ou a recusa de produtos de plástico de uso único, o cuidado com a separação dos resíduos e respetivo depósito nos locais adequados, uma vez que o que não acaba no lixo acaba no mar, e a preocupação com as questões da pesca em excesso e o degelo das calotes polares. 

Com este projeto “Os Ativistas dos Oceanos”, acreditamos que os alunos adquiriram competências sociais, tais como a capacidade de compreender os problemas ambientais bem como a responsabilização e a construção cooperativa de soluções válidas. Enfim, tratou-se de um projeto que potenciou o desenvolvimento do 4.ª pilar da educação -  aprender a viver juntos –  uma vez que só poderemos travar os problemas ambientais que assolam os oceanos e a nossa Terra, enquanto cidadãos globais que fazem parte da solução.

Cláudia Cordeiro
Coordenação Pedagógica do Colégio “O Cantinho dos Amigos”
 
Voltar