Este website utiliza cookies que facilitam a navegação, o registo e a recolha de dados estatísticos.
A informação armazenada nos cookies é utilizada exclusivamente pelo nosso website. Ao navegar com os cookies ativos consente a sua utilização.

Diretor Fundador: João Ruivo Diretor: João Carrega Ano: XXV

Santander Universidades Santander e Johnson: Academias contra a delinquência juvenil

30-07-2022

A Fundação Santander Portugal e a Academia do Johnson voltam a associar-se para atuar no combate à delinquência juvenil. O protocolo agora assinado diz respeito a um projeto-piloto que visa acompanhar as famílias que educam os seus filhos em ambientes de risco. Porque estas têm um papel fundamental na educação das crianças e jovens, na sua evolução como pessoas, nos valores e no progresso dos estudos.

Este projeto, denominado “Oficina de Pais”, pretende fomentar as famílias a ter uma participação ativa na vida dos jovens, permitindo desta forma que o contexto familiar de cada jovem exerça uma função de controlo informal no seu comportamento, com a redução de comportamentos de risco. O projeto irá ajudar os pais no processo educativo, na escola, em casa e em situações de lazer, trabalhando atualmente com 30 famílias de crianças e jovens,com idades entre os 6 e os 18 anos.

Tal como a Fundação Santander Portugal, a Academia do Johnson acredita que a Educação pode ser o motor do elevador social. Nesse sentido atua há 8 anos junto de crianças e jovens oriundos de meios familiares e sociais fragilizados, bem como das suas famílias e comunidades, na prevenção da delinquência juvenil, veiculando valores humanistas, assentes nos princípios da justiça, equidade, liberdade, solidariedade e autorrealização.

 
Voltar