Este website utiliza cookies que facilitam a navegação, o registo e a recolha de dados estatísticos.
A informação armazenada nos cookies é utilizada exclusivamente pelo nosso website. Ao navegar com os cookies ativos consente a sua utilização.

Diretor Fundador: João Ruivo Diretor: João Carrega Ano: XXIII

Santander e Expresso Primus Interpares tem vencedores

26-10-2021

Catarina Adegas Ferreira, licenciada em Gestão e Administração de Empresas, pela Católica Lisbon School of Business & Economics, e com um mestrado em Gestão Internacional, pela Nova SBE, é a grande vencedora da 17ª edição do Prémio Primus Inter Pares, disse ao Ensino Magazine o Santander Universidades.
Os vencedores foram conhecidos ontem, ao final da tarde, numa cerimónia que decorreu nos jardins do Museu Nacional de Arte Antiga, em Lisboa, e finaliza a edição de 2019-2020 do Prémio, que tinha sido suspensa devido à situação pandémica.
O Primus Inter Pares é um prémio de excelência, criado pelo Santander em Portugal e pelo jornal Expresso para distinguir os melhores estudantes das três áreas a concurso, concedendo-lhes acesso a uma formação académica complementar de grande prestígio. O objetivo do programa é valorizar o talento em Portugal e contribuir para o desenvolvimento de uma cultura de profissionalismo e de excelência na gestão de empresas.
O segundo lugar foi atribuído a Álvaro Samagaio, com um Mestrado Integrado em Bioengenharia, na Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto.
O terceiro classificado foi Manuel Pereira Leite, com um mestrado integrado em Engenharia Mecânica, pelo Instituto Superior Técnico. Os quartos classificados foram Bernardo Falcão que concluiu o mestrado em Finanças, na Católica Lisbon School of Business & Economics, e António Ventosa que possui um mestrado em Finanças pela Bocconi University, em Milão.
Os três primeiros classificados destacaram-se entre cerca de 100 candidatos, após várias provas de seleção, sendo assim considerados os jovens mais promissores do país nas áreas de Gestão de Empresas, Economia ou Engenharia. Terão agora a oportunidade de frequentar um MBA numa Business School nacional ou internacional, beneficiando do pagamento dos custos de matrículas e de propinas. As instituições envolvidas são: o IESE, em Barcelona; o IE Business School, em Madrid; o Lisbon MBA (Universidade Católica e Universidade NOVA); o ISCTE; o ISEG; e a Porto Business School. Os 4ºs classificados recebem um curso de pós-graduação.
O Júri do Prémio é composto por Francisco Pinto Balsemão (Presidente), Pedro Castro e Almeida, Estela Barbot, Raquel Seabra e Miguel Poiares Maduro.

 
Voltar