Este website utiliza cookies que facilitam a navegação, o registo e a recolha de dados estatísticos.
A informação armazenada nos cookies é utilizada exclusivamente pelo nosso website. Ao navegar com os cookies ativos consente a sua utilização.

Diretor Fundador: João Ruivo Diretor: João Carrega Ano: XXIII

Poesia Rente ao silêncio 21-05-2021

Manuel Barata acaba de publicar o seu novo livro de poesia. “Rente ao Silêncio”, numa edição de autor. Neste livro, o autor aborda vários temas e quotidianos, de forma simples, mas ao mesmo tempo profunda.
Apesar de também já ter editado livros em prosa, como o Mata Retratos à la Minuta (ed. RVJ Editores), “a quadra, mais ou menos popular, tem sido o seu modo de expressão mais produtivo”, como vem expresso na lombada deste Rente ao silêncio».
Manuel Barata nasceu em 9 de junho de 1952, na então freguesia de Mata, concelho de Castelo Branco. Licenciado em Línguas e Literaturas Modernas pela Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa, é autor de um conjunto significativo de obras, na sua maioria poéticas. Viveu em Castelo Branco, Lisboa, Paris, Luanda. Reside em Santa Iria da Azoia. Ensinou português e francês. Foi quadro no Ministério das Finanças.
Dos seus muitos livros destacam-se “O fascínio da Quadra”, editado este ano, “Fragmentária Mente”, “Quadras Populares - umas sim outras quase”, “Fragmentos de poesia”, ou “Mata Retratos à la Minuta”, onde reúne um conjunto de histórias e personagens verídicas da terra que o viu nascer.

 
Voltar