Este website utiliza cookies que facilitam a navegação, o registo e a recolha de dados estatísticos.
A informação armazenada nos cookies é utilizada exclusivamente pelo nosso website. Ao navegar com os cookies ativos consente a sua utilização.

Diretor Fundador: João Ruivo Diretor: João Carrega Ano: XXIII

Pela objetiva de J. Vasco A Pandemia, o Avante, a Igreja e os artistas

10-12-2020

O ano de 2020 destaca-se pela pandemia e pela reação à mesma. Se o confinamento tem sido uma medida acertada a reação ao mesmo nem por isso, desde “negacionistas”, médicos pela verdade, manifestações do tipo “tudo ao molho e sem máscara”, houve de tudo. Gostaria de destacar aqui três iniciativas que, pela sua dimensão e importância, merecem destaque especial: a Festa do Avante (que abriu caminho para outros importantes eventos), a Peregrinação a Fátima a 13 de outubro e a manifestação dos artistas e trabalhadores da cultura no Campo Pequeno, no passado 21 de novembro. Sinal mais para quem vive e sabe viver nestes tempos difíceis, sinal menos para a comunicação social pela forma assanhada com que atacou quer a Festa do Avante, quer o congresso do partido organizador, ao mesmo tempo que quase não criticou, em proporção semelhante, todo o tipo de manifestações em contramão com as instruções da Direção Geral da Saúde.
Um muito obrigado aos que vivem arduamente na procura das soluções e que venha a vacina… para todos e todas. Na medida do possível, feliz 2021, e bom regresso à normalidade.

PS.: Na foto o artista Ricardo Araújo Pereira na Festa do Avante.

 
Voltar