Este website utiliza cookies que facilitam a navegação, o registo e a recolha de dados estatísticos.
A informação armazenada nos cookies é utilizada exclusivamente pelo nosso website. Ao navegar com os cookies ativos consente a sua utilização.

Diretor Fundador: João Ruivo Diretor: João Carrega Ano: XXVI

Judocas brilham no Europeu Docente do IPS coordena equipa de fisioterapêutas

20-11-2023

Rita Fernandes, docente da Escola Superior de Saúde do Politécnico de Setúbal (ESS/IPS), coordena a equipa de fisioterapeutas da Seleção Nacional de Judo, que este ano se distinguiu no Campeonato da Europa, disputado em Montpellier, França, de 3 a 5 de novembro.
Presente na competição com 13 atletas, a Seleção Portuguesa de Judo subiu duas vezes ao pódio, pelos feitos de Catarina Costa (-48kgs), que arrecadou a medalha de prata, voltando a sagrar-se vice-campeã da Europa ao repetir a proeza de 2022, e de Patrícia Sampaio (-78Kgs), que conquistou a medalha de bronze. Bárbara Timo (-63kg) conquistou também um honroso resultado, ao classificar-se em 5º lugar.
A docente e também diplomada do IPS considera tratar-se de um “importante contributo para a projeção do nosso país no contexto internacional da modalidade e da própria modalidade na realidade desportiva do nosso país”. Resultados que, acrescenta, “são particularmente importantes nesta fase em que os atletas lutam para arrecadar pontos que lhes permitam o apuramento para Paris 2024, competição onde se espera que os judocas nacionais se apresentem com fortes aspirações”.
Fisioterapeuta da Seleção Portuguesa de Judo desde 2004, Rita Fernandes tem já no seu currículo quatro presenças olímpicas: Pequim 2008, Londres 2012, Rio de Janeiro 2016 e Tóquio 2020. “O fisioterapeuta é, felizmente, um elemento sempre presente e que se revela fundamental na equipa técnica da Seleção Nacional de Judo, cabendo-lhe intervir na recuperação/prevenção de lesões e em toda a gestão física dos atletas antes e no decorrer da competição”, conclui.

Voltar