Este website utiliza cookies que facilitam a navegação, o registo e a recolha de dados estatísticos.
A informação armazenada nos cookies é utilizada exclusivamente pelo nosso website. Ao navegar com os cookies ativos consente a sua utilização.

Diretor Fundador: João Ruivo Diretor: João Carrega Ano: XXIII

Agricultura Portalegre investiga forragens 22-02-2021

O Politécnico de Portalegre está a desenvolver, em colaboração com o Instituto Nacional de Investigação Agrária e Veterinária (INIAV), o projeto “ISOmap Forragem - Tecnologias Normalizadas na Produção de Forragens”.
Em, nota enviada ao Ensino Magazine, o Politécnico de Portalegre explica que “o objetivo principal do projeto passa por reforçar a investigação, o desenvolvimento tecnológico e a inovação”, tendo por isso ”sido desenvolvidas parcerias com diferentes empresas, nomeadamente com a CNH Portugal - New Holland e o concessionário local Miraldino Filipe Mendes, que cederam um trator de demonstração New Holland T5 120”.
A utilização deste recurso torna possível alargar o âmbito do projeto no que respeita às tarefas de formação e treino (presencial e à distância) das competências em agricultura de precisão relacionadas com as funcionalidades ISOBUS, nomeadamente condução assistida e aplicações de produtos a taxa variável e telemática.
De acordo com Luís Alcino da Conceição, coordenador do projeto e docente da Escola Superior Agrária de Elvas, esta cedência, com caráter temporário, representa também uma “mais-valia” para os alunos do curso de Agronomia e do mestrado em Agricultura Sustentável que, nas unidades curriculares de Mecanização e de Inovação Tecnológica, têm oportunidade de tomar contacto com um veículo agrícola em linha com o de mais atual existe ao dispor do Agricultor.
É de salientar que esta colaboração dá continuidade à inicialmente criada no projeto “MechSmart Forages”, o qual foi premiado pela revista “Vida Rural” e nomeado para os prémios AgroSantander.
O projeto ISOmap Forragem teve início no passado mês de setembro e decorre até agosto de 2022, beneficiando de apoio financeiro da União Europeia/FEDER, no valor de 143.962,42 euros (custo total elegível: 169.367,56 euros).

 
Voltar