Este website utiliza cookies que facilitam a navegação, o registo e a recolha de dados estatísticos.
A informação armazenada nos cookies é utilizada exclusivamente pelo nosso website. Ao navegar com os cookies ativos consente a sua utilização.

Diretor Fundador: João Ruivo Diretor: João Carrega Ano: XXIII

Atualidade Controvérsias com medicamentos em seminário 02-06-2021

“Controvérsias com medicamentos” é o tema central da reunião anual da Revista Portuguesa de Farmacoterapia. O evento realiza-se no Lagoas Park Hotel (haverá também transmissão online), no próximo dia 17 de junho, contando com a presença da Ministra da Saúde, Marta Temido, na sessão de abertura.

A reunião terá início às 9H30, com a sessão de abertura, onde para além da ministra, intervirá José Aranda da Silva, diretor da revista. “Adaptação e Resiliência do SNS” é o tema a debater.

A iniciativa prossegue às 10H00 com as intervenções de Bruno Sepodes (FFUL | EMA) sobre as Alterações Impactantes no Processo de Avaliação; de  Francisco Batel Marques (FFUC | AIBILI), que falará sobre “o que Mudou nos Aspetos Relacionados com a Segurança”; e de Jorge Gonçalves (FFUP | I3S), que abordará a questão das “Soluções terapêuticas para a Covid-19”.

Este painel, que tem como tema de fundo “Lições da pandemia e o impacto no sistema de avaliação e supervisão dos medicamentos”, será moderado por José Aranda da Silva e terá os comentários de João Almeida Lopes (Apifarma), Maria do Carmo Neves (Apogen) e de António Faria Vaz (INFARMED, I.P.).

Depois de um Coffee Break, a reunião prossegue às 11H45, com um debate sobre Garantia de Acesso Local a Medicamentos Essenciais. Vão intervir Thebar Miranda (Grupo Azevedos), António Donato (Tecimede), Joaquim Chaves (Grupo FHC | Basi), Nuno Simões (INFARMED) e Fernanda Ralha (INFARMED), sob a moderação de Sérgio Vilão (Editor da Revista Portuguesa de Farmacoterapia).

A sessão de encerramento, às 13H30, será feita por Ana Paula Martins (Bastonária da Ordem dos Farmacêuticos).

Facebook José Aranda da Silva
 
Voltar